Morre sexto idoso vítima de incêndio em asilo de São José do Rio Pardo

Nenhuma das vítimas internadas sobreviveu.

Acidente aconteceu em 10 de maio em um dos quartos da ala masculina.

Uma pessoa morreu no local e as outras cinco foram hospitalizadas.

Asilo de São José do Rio Pardo Reprodução/EPTV Morreu, na manhã desta sexta-feira (22), a última vítima do incêndio que aconteceu no asilo Lar de Jesus, de São José do Rio Pardo (SP).

Ele tinha completado 90 anos na quinta-feira (21) e ficou 12 dias internado.

O incêndio, que aconteceu em 10 de maio, vitimou seis pessoas.

O fogo começou na ala masculina do asilo.

A suspeita é que uma das vítimas estava fumando na cama e deixou o cigarro cair sobre o colchão. De acordo com o relatório elaborado pelo asilo que foi entregue à Polícia Militar, uma enfermeira que estava de plantão começou a ouvir barulhos de estouro e quando chegou perto de um dos quartos sentiu o cheiro de queimado e viu a fumaça saindo por debaixo da porta. Incêndio atinge asilo em São José do Rio Pardo.

Silvio José dos Santos/Arquivo pessoal Ela gritou por socorro e imediatamente começou a retirar os idosos do quarto.

Outros funcionários tentaram apagar o incêndio com extintores até a chegada do Corpo de Bombeiros. No quarto estavam dez idosos.

Um homem de 88 morreu no local e outros cinco foram socorridos e internados.

Dois homens, de 53 anos e 75 anos que estavam internados na UTI da Santa Casa da cidade também vieram a óbito, um em 11 de maio e outro no dia seguinte.

Em 14 de maio, dois idosos, um de 68 anos que estava internado na UTI da Santa Casa e um de 69 anos que havia sido transferido para o hospital especializado em queimados de São José dos Campos, não resistiram aos ferimentos e vieram a óbito. Veja mais notícias da região no G1 São Carlos e Araraquara.

Categoria:SP - São Carlos e Araraquara